ABCDivórcio - 1° Guia Brasileiro sobre Divórcio Resgate sua Relação
ABC Divórcio Rede Social especial para Divorciados/Separados Fórum de Discussão especial para Divorciados/Separados
Ajude um(a) amigo(a) nesta situação!
"O segredo da vida não é o que acontece com você, mas o que você faz do que acontece com você." Norman Peale
Você está em:

VN:F [1.9.22_1171]
Gostou deste texto?

A importância da educação financeira para controlar a nova vida

Vivendo-se em uma sociedade cada vez mais consumista e sob fluxo incessante de novos produtos – com propaganda maciça na mídia (até dentro das novelas!) – é essencial, após uma separação, puxar o freio na carteira. Homens e mulheres precisam ter mais cautela com seus gastos e privilegiar a educação financeira.

Para as mulheres, um dos perigos é a costumeira impulsividade. Mesmo quando estão com o salário comprometido ou penduradas no cartão de crédito, podem passar por uma loja e desejarem uma roupa que está em promoção. Diante dessa tentação, há três opções: comprar parcelado no cartão imediatamente, não comprar na hora e juntar o dinheiro que sobrar do orçamento até poder pagar à vista ou não comprar em nenhum momento porque há outras prioridades. O problema é que muitas vezes a primeira opção é a que mais ocorre para uma mulher.

Aqueles que acreditam que só as mulheres não resistem a um produto sedutor e estouram o limite do cartão de crédito estão muito enganados. Os homens também são bastante consumistas, principalmente os solteiros. Foi isso que revelou uma pesquisa nos Estados Unidos, que analisou 120 cidades do país.O Serasa Experian divulgou no começo desse ano, 2012, que os homens são os que mais contam com os créditos na hora de fazer as compras. As mulheres são responsáveis por 41,6% das concessões de crédito, enquanto 58,4% é destinado aos homens.

O livro Pai rico, Pai pobre, de Robert Kiyosaki e Sharon Lechter, tem como objetivo partilhar percepções quanto à maneira como uma maior inteligência financeira pode ser empregada para resolver muitos dos problemas comuns da vida. Sem treinamento financeiro, frequentemente se recorre a fórmulas padronizadas para levar a vida, como trabalhar melhor, poupar, fazer empréstimos e pagar impostos.

De acordo com os autores, cada indivíduo tem o poder de determinar o destino do dinheiro que chega em suas mãos: a escolha entre ter uma situação mais confortável ou viver no aperto (ou endividado) é de cada um. A cada dia, a cada nota, decide-se ser rico, pobre ou classe média. Para Kiyosaki e Lechter, dividir este conhecimento com os filhos é a melhor maneira de prepará-los para o mundo que os aguarda. A leitura é indicada para os mais cautelosos e, principalmente, para quem deseja se policiar mais.

Outra opção para quem deseja aprender sobre educação financeira é o programa de mesmo nome. Ele nasceu de uma parceria entre a BM&FBOVESPA e a TV Cultura. É uma iniciativa nova no país, em busca da popularização dos conceitos de economia, finanças pessoais e tipos de investimento a partir da televisão. O programa tem um conteúdo e linguagem de fácil interpretação e o enfoque é bem-humorado.  É possível acessar o conteúdo pelo site www.tveducacaofinanceira.com.br

 

A educação financeira não é apenas saber controlar o dinheiro, juntar ou gastar menos. Vai bem além disso.  É pensar nas atitudes que terá hoje e no reflexo delas no futuro, buscando uma melhor qualidade de vida e estabilidade financeira. Por isso é importante estabelecer objetivos e agir de acordo com essas prioridades. Só assim será possível garantir um futuro mais claro, com menos dores de cabeça na hora de checar as contas e uma relação mais natural com o dinheiro.

Conhece algum amigo ou amiga nesta situação? Indique esta leitura!
Deixe seu Comentário abaixo ou,
se preferir, discuta este assunto em nosso Fórum:
Fórum de Discussão
Nossa Rede Social

Deixe um Depoimento/Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>


Comentários
Busca:
Curta nossa página no Facebook

Muito bacana este espaço! Meu marido me deixou e por isso estou aqui para compartilhar informações e coisas com quem está passando pelo mesmo que eu….  Obrigada ABC!

Bacana!

Deixe você também seu depoimento!
Depoimentos
Cadastre-se e receba nossas
dicas em seu e-mail:
Todos os direitos reservados. Favus Design For Business.