ABCDivórcio - 1° Guia Brasileiro sobre Divórcio Resgate sua Relação
ABC Divórcio Rede Social especial para Divorciados/Separados Fórum de Discussão especial para Divorciados/Separados
Ajude um(a) amigo(a) nesta situação!
"Não existe amor minúsculo, principalmente quando se trata de amor-próprio" Martha Medeiros
Você está em:

VN:F [1.9.22_1171]
Gostou deste texto?

Planejar para recomeçar… Sem dívidas!

Normalmente, quem organiza as finanças e dita as regras da casa é a mulher. Por isso, é natural que, num processo de separação, o homem se perca um pouco nas tarefas domésticas e na estrutura orçamentária.

“Fazer uma planilha é um ótimo modo para obter o controle das finanças. Isso
independe do divórcio, mas certamente, com o divórcio, o cônjuge que não estava
acostumado a cuidar das finanças, poderá administrar melhor os gastos, bem como, não se perderá com as datas de vencimento”, orienta a advogada e consultora Alecsandra Tozzi.

É importante ressaltar que as dívidas contraídas durante o matrimônio não “evaporam” com o divórcio. Por isso, é fundamental encerrar toda e qualquer conta conjunta imediatamente após o início do processo de divórcio. Essa medida visa evitar que o antigo companheiro continue gerando despesas – que serão igualmente divididas, caso a conta permaneça em nome de ambos. Entretanto, dívidas em comum, provenientes dessa antiga conta, como empréstimos ou cheque especial utilizado, serão divididas. Afinal, dividem-se os bens e as dívidas também.

“Se houver resistência de parte contrária, é possível requerer providências judiciais, por meio de uma liminar, para que o juiz determine a transferência imediata, a chamada ‘obrigação de fazer’ ou, dependendo da situação, ‘expedição de ofícios para entidades competentes’”, adverte Alecsandra.

Para controlar as despesas e ainda conseguir poupar dinheiro, é fundamental equalizar ganhos e gastos. Relacione o valor que entra e subtraia os gastos essenciais – como as despesas com moradia e alimentação. Caso tenha filhos e a guarda deles permaneça com a mãe, é fundamental que o homem se atente para não descumprir as leis que garantem a pensão alimentícia. Na tabela, esse gasto deve ser priorizado para não acarretar sanções legais.

 

Conhece algum amigo ou amiga nesta situação? Indique esta leitura!
Deixe seu Comentário abaixo ou,
se preferir, discuta este assunto em nosso Fórum:
Fórum de Discussão
Nossa Rede Social

Deixe um Depoimento/Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>


Comentários
Busca:
Curta nossa página no Facebook

Aqui entra o depoimento Aqui entra o depoimento Aqui entra o depoimento Aqui entra o depoimento Aqui entra o depoimento Aqui entra o depoimento Aqui entra o depoimento Aqui entra o depoimento Aqui entra o depoimento.

Teste de Depoimento

Deixe você também seu depoimento!
Depoimentos
Cadastre-se e receba nossas
dicas em seu e-mail:
Todos os direitos reservados. Favus Design For Business.