ABCDivórcio - 1° Guia Brasileiro sobre Divórcio Resgate sua Relação
ABC Divórcio Rede Social especial para Divorciados/Separados Fórum de Discussão especial para Divorciados/Separados
Ajude um(a) amigo(a) nesta situação!
"E no amor é assim, não existe moral da história! " Martha Medeiros
Você está em:

VN:F [1.9.22_1171]
Gostou deste texto?

Ser um garanhão frequente na cama segura um casamento?

O marido que se gaba de seu desempenho sexual com a esposa, e acredita que o fato de comparecer sempre pesa muito para segurar um casamento com problemas, pode estar bem enganado.

Médicos da Southern Illinois University, EUA, acompanharam mil casais, com idade média entre 28 e 30 anos, para saber qual a probabilidade do divórcio de acordo com questões ligadas às relações sexuais. Eles constataram que a atitude e “efeito garanhão” são menos relevantes que outros cuidados com a esposa.

A doutora Kristina Dzara, uma das autoras do estudo, derruba um mito tradicional logo de primeira: fazer muito ou pouco sexo não é uma certeza de que o casamento está indo bem ou mal. Segundo a pesquisa, atitudes e sentimentos como o grau de intimidade e a relação cotidiana influenciam muito mais no sucesso ou fracasso de uma união. Tradução? Elas querem uma relação completa, com sexo em doses razoáveis, sim, mas também com participação e assiduidade nos outros pequenos momentos cotidianos.

Saiba que a sua esposa pode, provavelmente, pensar e sentir como as parceiras desse estudo: Para elas uma boa relação sexual não quer dizer necessariamente transar toda hora possível, mas fazer isso com qualidade. É, meu caro, cuidado com o famoso egoísmo masculino de mandar ver rapidamente e depois virar as costas e dormir. As mulheres também gostam dessa explosão sexual, mas também valorizam demais as preliminares e o carinho pós-sexo.

Não é à toa que uma recente pesquisa reportada na revista VIP mostrou que na cama o que mais elas gostam é de… sim, lá vem surpresa para o homem egoísta e rapidinho… de beijar.
Beijar muito! O parceiro que não beija muito cai muito no conceito delas.

Por outro lado, talvez os homens também não queiram só uma esposa-máquina sexual capaz de muitas peripécias e competições atléticas no leito. Segundo esse mesmo estudo da Illinois University, a atenção da esposa em outras atividades cotidianas também é valorizada pelos maridos. Se bem que na hora H eles parecem se apegar mesmo é a uma boa transa: para os homens entrevistados que afirmaram ter uma qualidade sexual maior, as chances do divórcio caíram 83%.

Conhece algum amigo ou amiga nesta situação? Indique esta leitura!
Deixe seu Comentário abaixo ou,
se preferir, discuta este assunto em nosso Fórum:
Fórum de Discussão
Nossa Rede Social

Deixe um Depoimento/Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>


Comentários
Busca:
Curta nossa página no Facebook

Muito bacana este espaço! Meu marido me deixou e por isso estou aqui para compartilhar informações e coisas com quem está passando pelo mesmo que eu….  Obrigada ABC!

Bacana!

Deixe você também seu depoimento!
Depoimentos
Cadastre-se e receba nossas
dicas em seu e-mail:
Todos os direitos reservados. Favus Design For Business.